“Eu queria ter ficado no Bahia”, afirma Kieza

Em 2014, Kieza marcou 6 gols em 12 jogos. Já em 2015, o atacante anotou 29 gols em 50 jogos.

Foto: Reprodução

O atacante Kieza participou de um bate-papo, onde comentou sobre sua passagem pelo Bahia e revelou o motivo de sua saída.

Segundo informações do jogador, sua saída não foi de vontade própria e sim por opção da diretoria, que na época tinha Marcelo Sant’Ana como presidente.

“Infelizmente eu saí do clube porque quem comandava o clube não falou a verdade. Falaram uma coisa e fizeram outra. Me prometeram as coisas e aí a gente sai de férias com tudo certo, e, na volta, infelizmente, eles fizeram outras coisas que tinham me falado e me prometido. (…). Falando que eu fui isso, que eu fui aquilo. E é muito triste a gente ouvir certas coisas que não são verdades.”

O atacante também afirma que não houve interesse da diretoria do Bahia em sua permanência, mesmo considerando alterações financeiras inferiores ao do time Chinês:

“O clube da China só queria me vender e o Bahia até que fez por onde, mas poderia ter feito um pouco mais, porque abri mão de muito de dinheiro e de muita coisa pra ficar no Bahia. (…) Eu queria ter ficado no Bahia.”

Em 2014, Kieza marcou 6 gols em 12 jogos. Já em 2015, o atacante anotou 29 gols em 50 jogos. Atualmente Kieza defende o Náutico.

Faça seu Comentário

Deixe sua opinião abaixo:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*