Roger Machado explica mudança no gol ‘preservar o atleta’

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Jogando na Arena Fonte Nova, o Bahia recebeu a equipe do Nacional-PAR na noite desta quarta-feira (12) e abriu uma importante vantagem para avançar de fase na competição.

Ao final da partida, o técnico Roger Machado concedeu entrevista e comentou sobre a oportunidade dada ao goleiro Anderson, contra o Nacional.

“Essa decisão não é tomada somente pelo treinador. Principalmente com os auxiliares e o preparador de goleiros. O goleiro é a última barreira do time e quando ele entra em má fase, aparece muito mais. Em alguns momentos, a gente precisa preservar o atleta para que ele possa recuperar sua confiança. O que foi passado é que tinha que dar oportunidade. Quando cheguei, ele estava jogando em função da lesão do Douglas. Fomos campeões com ele defendendo pênalti. Soube trabalhar esperando e estava treinando bem. Era justo que olhasse e desse oportunidade para ele atuar hoje”, explicou o comandante.

O Bahia pode até perder por dois gols de diferença na partida da volta, marcada para o dia 26 de fevereiro, às 19h15, no Paraguai.

Faça seu Comentário

Deixe sua opinião abaixo:

Sobre Bahiaço 2313 Artigos
Veiculo informativo independente sobre o Esporte Clube Bahia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*