O que mudou após seis anos da intervenção no Bahia ?

Nesta terça-feira (09) o Esporte Clube Bahia completa uma data marcante em sua história. Seis anos da intervenção, na qual foi batizada como ‘Democracia Tricolor’.

A intervenção aconteceu em 09 de julho de 2013, após uma sessão presidida na 2ª Câmara pela desembargadora Lisbete Maria de Almeida, no Tribunal de Justiça da Bahia, no CAB.

O presidente em exercício naquela data, Marcelo Guimarães Filho, e o conselho foram afastados. Na ocasião, Carlos Rátis assumiu como interventor do clube.

Seis anos passados, o que mudou no Bahia ?

Fernando Schmidt é eleito presidente do Bahia para mandato-tampão

Fernando Schmidt, presidente do Bahia (Foto: Raphael Carneiro)

A primeira eleição direta da história do Bahia não teve surpresa. Com 3.300 votos (67% dos votos válidos), Fernando Schmidt foi aclamado como novo presidente do tricolor.

Em 2014, Marcelo Sant’Ana é eleito novo presidente do Bahia

O jornalista Marcelo Sant’Ana foi eleito neste sábado presidente do Bahia para ao triênio 2015-2017.

A votação ocorreu na Arena Fonte Nova e mobilizou cerca de quatro mil sócios nas oito horas em que as urnas estiveram abertas. Sant’Ana recebeu 1755 votos, 41% do total.

O primeiro ano de Marcelo Sant’Ana na presidência do Bahia começou de maneira produtiva. O time começou com uma série de triunfos invejável e com um ataque bastante efetivo liderado por Kieza, Léo Gamalho e Maxi Biancucchi, o trio “KGB”. Essa boa sequência rendeu o título do Campeonato Baiano daquele ano e o vice-campeonato na Copa do Nordeste.

Em 2016, o clube conseguiu o acesso de volta a série A garantindo a 4º colocação da competição.

O ano de 2017 começou de maneira positiva para o Bahia. O time conseguiu quebrar um tabu de 15 anos e voltou a conquistar o título da Copa do Nordeste.

Guilherme Bellintani é eleito novo presidente do Bahia

Guilherme Bellintani comemora resultado da eleição — Foto: Divulgação/E.C. Bahia

A chegada de Guilherme Bellintani ao Bahia, além de dar continuidade do trabalho da gestão de Marcelo Sant’Ana.

Alguns avanços significativos na era ‘Guilherme Bellintani’:

. Crescimento do número de sócios-torcedores;

. Marca própria ‘Esquadrão’ e criação dos uniformes;

. Venda de jogadores (somente com Bellintani, o Bahia já faturou mais de R$ 50 milhões com a venda de jogadores);

. Loja oficial do Bahia dentro da Arena Fonte Nova;

. Aplicativo BBMP;

Citamos apenas, alguns avanços mais significativos até o momento da gestão de Guilherme Bellintani pelo Bahia passados um ano e meio.

A expectativa principal é que o Bahia ainda nesta gestão, consiga ficar entre os 10 melhores no Campeonato Brasileiro.

De fato, muita coisa mudou desde a ‘Era das Trevas’ como ficou conhecido a gestão de Marcelo Guimarães Filho.

Acompanhe as notícias do Tricolor de aço no instagram, Clique aqui!

Faça seu Comentário

Deixe sua opinião abaixo:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*