Sem atuar no Al-Wehda, meia Régis pode voltar ao Bahia

A diretoria do Bahia discute a viabilidade de manter o atleta no elenco. Régis tem contrato com o Tricolor até 2020

Foto: Felipe Oliveira - EC Bahia

O meia Régis pode retornar ao Bahia após empréstimo ao Al-Wehda. Segundo informação do Bahia Notícias, o clube do Oriente Médio está devolvendo o jogador, já que não conseguiu a inscrição no sistema TMS (Transfer Matching System) da Fifa e não jogou nenhuma partida oficial.

O valor que seria pago pelo Al-Wehda em virtude do empréstimo do jogador no período foi inserido na negociação pelo atacante Fernandão, anunciado pelo Bahia na última quarta-feira (23).

A bombástica contratação do centroavante, que valeria 1,6 milhão de dólares, saiu por 1,2 milhão de dólares (R$ 4,5 milhões). Entretanto, a permanência de Régis no Tricolor é uma dúvida. Internamente, a cúpula do clube discute a viabilidade de manter o atleta no elenco.

A possibilidade de um empréstimo para outra agremiação não é descartada. Régis chegou ao Bahia em 2016. Em 117 partidas pelo clube, marcou 23 gols e foi peça importante nos títulos da Copa do Nordeste, em 2017, e do Campeonato Baiano, em 2018. Seu atual vínculo com o clube é válido até o fim de 2020.

Faça seu Comentário

Deixe sua opinião abaixo:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*